Rádio Miradouro AO VIVO

Ouvir no iPhone
/ Ouvir no Android

RAPAZ SOFRE TENTATIVA DE ASSASSINATO EM MURIAÉ PRÓXIMO A ESTAÇÃO TRATAMENTO DO DENSUR.

O corpo de bombeiros foi acionado para comparecer próximo a estação de tratamento de águas do Densur, onde um jovem de 20 anos de idade foi golpeado com facão por 2 indivíduos.

GIF_MEGA_SITE_300x161Os agressores fugiram após a tentativa de assassinato na bicicleta da vítima, que foi atingida no braço esquerdo, cabeça e abdômen, sendo o quadro de saúde do rapaz considerado grave, devido a uma hemorragia interna, sendo enviado imediatamente para o centro cirúrgico.

Nossa reportagem não tem informações sobre com o ferido reagiu à cirurgia. Sabe-se que a PM realizou consulta em seu sistema informatizado, sendo constatado que existe um mandado de prisão em aberto contra ele, que ficou no Hospital sendo acompanhado pela PM.novozap

FALECEU DONA CREUZA MARIA DE JESUS, IRMÃ DA DATI E DO DAÍ. MIRADOURO.

luto-rosa-brancaOs familiares de Creuza Maria de Jesus cumprem o doloroso dever de comunicar o seu falecimento e convidam parentes e amigos para o seu sepultamento o corpo será velado na capela da Pax Jose Schittini, em Miradouro de onde sairá neste domingo as 8 da manhã para o cemitério municipal de Miradouro.

Noticiamos com pesar o falecimento e Creuza Maria de Jesus irmã da Dati e do Daí da Ana. INFORMOU O PLANO PAX JOSE SCHITTINIpaxtopo

POLÊMICA: MORADOR RECLAMA DE FALTA PRODUTOS NO HOSPITAL CASA DE CARIDADE EM CARANGOLA DEVIDO MANIFESTAÇÃO DOS CAMINHONEIROS.

HOSPITAL-CASA-DE-CARIDADE” Boa tarde Paulo Roberto. Meu nome é H.,  sou professor da  escola…. na nossa região. Sou amigo do Márcio Prado e quero fazer uma denúncia, e gostaria que fosse noticiado no seu meio de comunicação.

Minha mãe faz hemodiálise na Casa de Caridade de Carangola, a sessão de diálise dele foi reduzida de 4 para 2 horas. E o hospital diz que por conta da greve dos caminhoneiros os insumos essências para a manutenção da vida não estão chegando até o hospital. Ainda segundo o provedor do hospital se a situação não for regularizada durante a semana,  os serviços de hemodiálise serão interrompidos por falta de medicamentos.

Peço a você que divulgue isso no seu canal, e faça um apelo aos caminhoneiros de greve que deixem passar os caminhões com medicamentos.
Para averiguar a vericidade da minha denúncia, ligue 3741-6950. Casa de Caridade de Carangola. Conto com a sua sensibilidade.”

Nossa produção entrou em contato com o Fernando Quintão Hosken. Provedor da Casa de Caridade de Carangola. Para a nossa produção entrou em contato  com ele, sendo que não estava no Hospital. Conseguimos seu contato, deixamos uma mensagem no Whats App e o mesmo nos retornou.

Ele disse que estava preocupado com a situação, que se continuar nos próximos dias poderia complicar as coisas, mas que disse que desconhecia a falta de produtos no Hospital Casa de Caridade, onde nos pediu para entrar em contato  com o Hospital novamente, onde deveríamos procurar  o Francisco Sangi, na qual em contato, nós não conseguimos falar com o indicado. Disse também que acredita que em Ubá estariam faltando insumos para a hemodiálize.   

Devido a este fato estamos colocando no ar esta matéria, sabendo que realmente sem caminhão o Brasil para, e que são justas as reivindicações dos caminhoneiros, mas que todos eles tenham sensibilidade diante destas questões de saúde. Por favor se esforcem para liberar medicamentos.   UM VÍDEO CIRCULA  NAS REDES SOCIAIS, MOSTRANDO QUE OS CAMINHONEIROS AFIRMAM QUE ESTÃO LIBERANDO CAMINHÕES COM CARGAS DE MEDICAMENTOS. A MATÉRIA AINDA ESTÁ EM ANDAMENTO.

CAMINHONEIROS FAZEM UMA GUERRA FRIA CONTRA ABUSOS NO PREÇO DOS COMBUSTÍVEIS:

O que se vê pelas redes sociais como face book são mensagens de apoio aos caminhoneiros. Nossa reportagem registrou no dia 22/05/18, logo no início dos protestos, a presença de cidadãos de Fervedouro na cidade de Muriaé, a cerca de 60 Km levando alimentos e apoio aos homens que tem sido tratados como heróis neste país, onde muitos já perderam a fé na atual política.

Antes a luta era conta os preços nos combustíveis e contra a corrupção, que tem gerado transtornos para todo povo brasileiro. Quando ele tomou a medida dura de arrancar os caminhoneiros dos  protestos usando a força do exército, hoje muito se  viu  nas redes socais protestos contra Temer.

Hoje no   Posto Sauá, onde vários caminhoneiros  aguardam o acordo  com a classe para seguirem viagem, um dos caminhoneiros disse a nossa reportagem, “VAMOS TIRAR O TEMER  DE LÁ.”

Temos informações concretas de que supermercados e distribuidores de gás não tem o GLP (gás de cozinha) para entregar nas seguintes cidades: São Francisco do Glória, Fervedouro, Miradouro e  Carangola.

Imagine os transtornos que cidades grandes estão sofrendo. Em cidades pequenas como Miradouro, Fervedouro e outras diversas cidades pelo Brasil, por isso a palavra de ordem é economizar.  Mas se acabar aqui em nossa região, pegamos 2 tijolos, vamos no mato, pegamos lenha e colocamos entre os tijolos e tampamos fogo, dá pra cozinhar até feijão.  Imagine numa cidade onde se anda Km e não se vê uma árvore.

Se o presidente Temer não tiver sabedoria para agir, poderá entrar para a história como o primeiro presidente do país a ser deposto pelos caminhoneiros, que tem recebido apoios pelo Brasil e as manifestações já estão nas ruas, como ocorreram hoje em Muriaé, Juiz de Fora e outras cidades brasileiras.

UMA PARALISAÇÃO GERAL ESTÁ SENDO CONVOCADA PARA O DIA 27 DE MAIO, DOMINGO.

HOMEM É MORTO A TIROS EM BAR NA CIDADE DE VISCONDE DO RIO BRANCO NA MADRUGADA DESTE SÁBADO.

FAROL-3-NOTURNOA Polícia Militar foi acionada para comparecer em um bar , localizado na rua Campo Belo em Visconde do Rio Branco, onde encontraram um homem morto, identificado por José Mauro Gonçalves, de 43 anos de idade.

Populares relataram à PM, que um indivíduo encapuzado, vestindo roupas camufladas, teria chegado ao estabelecimento e  utilizando uma pistola de 9 milímetros , falou antes de efetuar os disparos contra o homem que estava sentado:  “Eu quero você Zé Mauro”, logo em seguida efetuou cerca de 13 tiros atingindo a vítima em várias partes do corpo. Logo em seguida o homem fugiu.

A PM realiza rastreamentos na cidade, na tentativa de localizar o autor.  Em menos de 24 horas, a PM registrou 2 homicídios na cidade, que fica na zona da Mata Mineira.

PROTESTOS DE CAMINHONEIROS ENTRA NO 6° DIA E PREFEITOS DECRETAM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA NA ZONA DA MATA E CAMPO DAS VERTENTES.

 

FB_IMG_1527105159047
O protesto dos caminhoneiros chega neste sábado (26) ao sexto dia nas rodovias da Zona da Mata e Campo das Vertentes. Com a paralisação contra o aumento no preço do diesel, pelo menos três cidades da região já decretaram situação de emergência, uma vez que há desabastecimento de combustíveis e outros produtos.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os pontos de manifestação permanecem os mesmos registrados na sexta-feira (25) e afetam 10 municípios. O protesto, que começou na última segunda-feira (21), pede a redução de impostos dos combustíveis.

Na noite desta sexta, o Governo Federal publicou uma edição extra do “Diário Oficial da União”, com o decreto que autoriza o uso das Forças Armadas em todo o território nacional para desobstrução de vias públicas federais. Apesar da medida, nenhuma ação foi registrada nas estradas da região.

A paralisação dos caminhoneiros tem gerado diversos reflexos nas cidades da Zona da Mata e Vertentes. Além daquelas que declararam situação de emergência, outras anunciaram medidas de contingenciamento. Universidades e institutos suspenderam aulas e hospitais adiaram cirurgias eletivas.
Situação de Emergência
Até a manhã deste sábado as cidades de Viçosa, Muriaé e São João Nepomuceno decretaram situação de emergência devido ao desabastecimento de combustíveis e outros insumos por conta do protesto dos caminhoneiros.
Educação
As universidades federais de São João del Rei (UFSJ) e de Juiz de Fora (UFJF), além do Instituto Federal (IF) Sudeste suspenderam aulas em oito campi em seis cidades de Minas Gerais. A Universidade Federal de Viçosa (UFV), até o momento, não comunicou nenhuma alteração nas atividades.
Saúde
Hospitais da região suspenderam cirurgias eletivas por causa da falta de sangue e por dificuldade de abastecimento de insumos, como reflexo da paralisação dos caminhoneiros. O Consórcio Intermunicipal de Saúde para Gerenciamento da Rede de Urgência e Emergência Macro Sudeste (Cisdeste) informou que conseguiu manter os atendimentos realizados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) na quinta-feira (24), mas que a situação ainda é preocupante para 94 municípios da região. AS informações são do g1 zona da mata.