Todos os posts de paulo

EM REALEZA, MANHUAÇU E IÚNA: PROTESTO DE CAMINHONEIROS

CAMINHONEIROS01REALEZA / MANHUAÇU (MG) E IÚNA (ES) – Caminhoneiros encerraram o bloqueio do entroncamento das rodovias BRs-262 e 116, em Realeza, depois de 25 horas de protesto. A paralização da categoria teve fim depois da intervenção da Polícia Rodoviária Federal, no final da tarde desta terça-feira, 24/02. Pouco depois, a Justiça Federal de Minas Gerais determinou a imediata desobstrução das rodovias federais que cortam o estado e anunciou multas de 5 mil reais por veículo.

Desde domingo, rodovias foram parcialmente bloqueadas por caminhoneiros em todo o estado de Minas Gerais. Em Realeza, o bloqueio começou na BR-262, na tarde de segunda, e se estendeu nesta terça para a BR-116. Os motoristas reclamam do preço do diesel e querem reajuste do preço do frete. Não houve tumulto ou violência.

CAMINHONEIROS02No final do dia, segundo decisão da juíza federal Anna Cristina Rocha Gonçalves, a ordem é desbloquear as rodovias.Em caso de descumprimento, será aplicada multa de R$ 50 mil por hora, além de R$ 5 mil por pessoa física ou veículo. Além da PRF, a Polícia Militar e a Polícia Federal estão aptas a cumprir a ordem judicial em todo o estado.

ESPÍRITO SANTO TAMBÉM PARA

CAMINHONEIROS03O movimento já se organizou em outro ponto. Segundo a Polícia Rodoviária Federal do Espírito Santo, há dez quilômetros da divisa com Minas Gerais, na BR-262, os caminhoneiros iniciaram outro bloqueio, já em terras capixabas. A interdição parcial acontece no km 185 da BR 262, zona rural de Iúna(ES), no chamado Posto Boas Novas. Apenas automóveis, ônibus e veículos de emergência conseguem trafegar livremente.Colaboração: portal caparaó

 

EM FERVEDOURO: CARRO ROUBADO É LOCALIZADO.

carro-fervDurante patrulhamento pela zona rural de Fervedouro, a Polícia Militar avistou um veículo Saveiro, placa OVK 2960, placa de Irupi-ES no terreiro de um sítio, e por ser placa de fora foi feito a consulta e constatado pelos militares que o carro tinha ocorrência de furto/roubo. O dono do sítio disse que havia comprado o carro em dezembro do ano passado através de um morador de Abre Campo e que na negociação havia dado um veículo Fiat Uno e R$ 10 mil, e ficou ainda ficou de assumir as demais prestações. O dono disse que o carro não tinha impedimentos na ocasião. Diante dos fatos o veículo foi recolhido e levado para um pátio credenciado Detran-MG. Trabalharam nesta ocorrência, Sargento Belúzio e Sd. Isaias.

EM MIRADOURO: BANDIDOS ASSALTAM PROPRIEDADE RURAL.

RURAL MIRAD03Por volta de 5h15 desta terça feira (24), três homens, encapuzados e armados, renderam o caseiro de uma propriedade rural, em Miradouro, assim que chegava para abrir a porteira, pediram que chamasse sua esposa e após terem acesso IMG_3669a sede, deixaram, sob violência, os dois amarrados com fitas, em um dos quartos da casa e de lá levaram armas, munições e diversos objetos.

Eles ordenaram que fosse desligado o alarme da casa e serraram os cadeados de um caixa onde estavam as armas, além de terem roubado outros objetos que estavam nas gavetas do quarto e facas que estavam na sala.
Na fuga eles renderam um homem que passava em uma moto, para trabalhar e levaram o veículo tomando rumo ignorada. A Polícia Militar fez o registro e um intenso rastreamento pela região, mas não tem pistas do assaltantes. A Polícia Civil também esteve no local fazendo levantamentos, para tentar identificar os autores.

A Perícia Técnica fez os trabalhos de praxe, recolheu diversos materiais que os criminosos deixaram espalhados pela casa e quintal, como luvas, fitas usadas para prender o casal, e uma caixa com marcas de sangue, possivelmente de um dos suspeitos, que e deve ter se ferido enquanto cortava os cadeados. Os trabalhos seguem na busca de mais informações para localizar e prender os autores. RURAL MIRAD02 RURAL MIRAD01Colaboração: interligadoonline.com

EM BOA FAMÍLIA: BANDIDOS SOFREM ACIDENTE E DEIXAM TUDO PRA TRÁS.

BOA FAMILIA01A Polícia Militar foi comunicada por volta das 16h30 desta segunda-feira que dois homens armados que chegaram em uma moto invadiram uma mercearia no distrito de Boa Família e anunciaram o assalto, um deles ficou vigiando a caixa sob ameaça do revólver e o outro recolhia o dinheiro. Uma testemunha que acompanhou a ação de longe, seguiu a distância a motocicleta em fuga, mas ao perceber que estavam sendo seguidos, o carona colocou a mão na cintura para pegar a arma, o motorista com medo de ser atingido, baixou na direção e acelerou, batendo contra a moto e um carro estacionado no distrito. Na queda os autores saíram correndo deixando para trás a moto, o produto do roubo e ainda a carteira de um deles, com documentos e ainda documento da namorada. Os autores fugiram entrando em um matagal. Enquanto a PM procurava pelos autores, por volta das 19 horas veio a notícia de que dois indivíduos caminhavam na rodovia, sem camisa. As viaturas foram para o local e depararam com a dupla que foi presa perto da Fazenda Mundial, assumindo o roubo e ainda dizendo onde estaria as armas usadas no crime.

Colaboração: silvanalves.com.br

EM MURIAÉ: UM VIGILANTE GANHA NA JUSTIÇA DIREITO A INDENIZAÇÃO POR INJÚRIA RACIAL.

Um vigilante que sofreu injúria racial, quando estava trabalhado na portaria da emergência do HSP, em uma manhã de junho de 2010, ganhou na justiça o direito de ser indenizado por danos morais, após pouco mais de quatro nos de processo, contra os autores. A.A.S.S. narrou nos autos que trabalhava como vigilante no pronto-socorro do hospital São Paulo quando uma criança que acabara de ser mordida por um cachorro chegou ao local, acompanhada da tia. O menor já estava sendo atendido, quando também chegou ao hospital um casal de empresários, que se identificou como pais da criança. O vigilante avisou ao casal que precisaria comunicar à acompanhante do menor que eles haviam chegado, para que fosse feita uma troca, pois as normas do estabelecimento não permitiam a presença de mais de um acompanhante por paciente.

De acordo com o vigilante, os réus começaram então a agir de maneira exaltada e grosseira, insistindo em ir até a criança, chegando a invadir área de acesso restrito, dando socos e pontapés na porta de entrada do local. Passaram também a proferir ofensas ao trabalhador, chamando-o de “macaco” e “negro fedorento”, entre outras agressões verbais, acompanhadas de palavras de baixo calão. Policiais militares que atendiam a uma ocorrência nas dependências do hospital tentaram acalmá-los, sem sucesso, e assim foi dada voz de prisão ao casal, que foi preso em flagrante pelos crimes de injúria, desobediência e resistência.

Afirmando que se sentiu humilhado e constrangido pelas ofensas, A. S. entrou na justiça contra o casal, pedindo indenização por danos morais. Alegou que os réus manifestaram juízo de valor depreciativo com relação à sua cor, além de tê-lo insultado, ofendendo sua honra e reputação, na frente de várias pessoas, em seu próprio local de trabalho. No mês de janeiro/15 foi decorrido o prazo e definida em definitivo a sentença. Agora a vítima aguarda só ser chamado para o recebimento dos valores.

Nervosos e aflitos

Em sua defesa, os pais da criança afirmaram que estavam em um evento quando foram informados por uma filha, que chorava ao telefone, que o filho deles, de apenas 8 anos, havia sido mordido por um pit bull e se encontrava no pronto-socorro do hospital. Disseram que de fato se dirigiram para o local nervosos e aflitos, pois não sabiam qual era o estado de saúde da criança e haviam sido informados de que o menino chorava muito, chamando pelos pais. Alegaram que o funcionário os impediu de ver o menino, em tom imperativo e arrogante, mesmo diante do pedido insistente deles, e que foram eles, os pais, que sugeriram a troca de acompanhantes, pois queriam estar com a criança naquele momento.
Entre outros pontos, o casal afirmou ainda que em momento algum agiu com grosseria e que o funcionário se recusou a fazer a troca de acompanhante. Disseram que não agrediram verbal ou fisicamente o vigilante, que foi permitido a eles entrar na sala de cirurgia e que estavam ali quando foram algemados por policiais.
Em Primeira Instância, a mãe da criança foi condenada a pagar ao vigilante R$ 15 mil por danos morais, já o pedido do segurança em relação ao pai do menor foi julgado improcedente. Agora os valor teve u aumento devido a correção e juros.
Diante da sentença, ambas as partes recorreram: o vigilante pediu o aumento do valor da indenização e a mulher pediu sua absolvição, sustentando que ocorreu apenas mera discussão entre as partes e não houve dano moral.
Ao analisar os autos, a desembargadora relatora, Mariza Porto, avaliou que a injúria racial estava mais do que comprovada pelo auto de prisão em flagrante e pelos relatos de testemunhas. Além disso, o processo criminal em tramitação corroborava a ofensa sofrida pelo segurança do hospital. Na avaliação da desembargadora, o vigilante “apenas exerceu o seu dever legal de manter a norma do hospital e a manutenção da ordem do local”, tendo sido acertada a sentença que condenou a empresária.
Considerando adequado o valor da indenização arbitrada em Primeira Instância, a relatora manteve a sentença, sendo seguida, em seu voto, pelos desembargadores Paulo Balbino e Marcos Lincoln.

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional – Ascom – TJMG

NO BRASIL: O RESULTADO DA MEGA.

mega ligiUma aposta de Porto Alegre (RS) acertou as seis dezenas da Mega-Sena, levando um prêmio de R$ 16.547.485,01. O sorteio do concurso de número 1.680 foi realizado neste sábado (21), em Flores da Cunha (RS). O próximo concurso da Mega-Sena, que acontece na quarta-feira (25), terá prêmio estimado em R$ 3 milhões.
Veja as dezenas: 23 – 37 – 38 – 46 – 47 – 51.
A quina teve 298 acertadores, que levaram prêmio de R$ 8.541,66 cada um. Além disso, houve 5.821 ganhadores na quadra, que rendeu R$ 624,68.

EM MURIAÉ: JOVEM DE 17 ANOS É ASSASSINADO NA RUA BARÃO DO MONTE ALTO.

ASSAS BARAO03Assassinato aconteceu antes das 19 horas na Rua Barão do Monte Alto, no Centro de Muriaé, onde um jovem que foi identificado inicialmente como sendo João Victor Pereira dos Santos, 17 anos de idade, morador do bairro Santo Antônio, foi morto a tiros por homens que aparelharam uma moto a sua, atiraram e fugiram. Este foi o segundo assassinato do final de semana e o sexto do mês. Colaboração nas informações: silvanalves.com.br ASSAS BARAO01 ASSAS BARAO02

NO BRASIL: MORRE FUNDADOR DA IGREJA DEUS É AMOR.

davi miranda

Davi Miranda morreu, aos 79 anos, na noite de sábado, 21, vítima de infarto. A informação oficial foi transmitida oficialmente pela rede de rádios mantida pela igreja.

Fundador da igreja evangélica pentecostal Deus é amor, Davi Miranda começou seu trabalho em 1962, quando fundou a denominação. Hoje, A Deus é Amor conta com 11 mil templos espalhados pelo Brasil e mais 136 em outros países. Débora Miranda, uma das filhas do missionário e centenas de fiéis lamentaram o passamento do líder religioso. Pela madrugada, a informação foi sendo repassada por meio das redes sociais.

O velório ocorre no maior dos templos da igreja, na Avenida do Estado, capital paulista.

Biografia: Filho do agricultor Roberto Martins de Miranda e da dona de casa Anália Miranda, David Miranda mudou-se para São Paulo em abril de 1958, ainda jovem, onde se converteu ao petencostalismo em 6 de Julho 1958 na Igreja Cristã Pentecostal Maravilhas de Jesus, dirigida na época pelo Pr. Leonel Silva.

Até a década de 1960, a grande maioria das igrejas pentecostais eram radicalmente contrárias à política, ao divórcio, à televisão e outras práticas, mas no final desta década muitas desses costumes foram abolidos e práticas modernas começaram a ser aceitas. Não conformado, David Miranda fundou um ministério em 1962, no bairro de Vila Maria, mudando-se posteriormente para a baixada do Glicério. O nome: Igreja Pentecostal Deus é Amor, segundo conta o Missionário em sua autobiografia, foi revelado pelo próprio Deus numa madrugada de oração.

Casou-se em 12 de Junho de 1965, com Ereni Oliveira de Miranda, com quem teve 4 filhos: Pr. David Miranda Filho, Pr. Daniel Miranda, Cantora Débora Miranda de Almeida e Léia Miranda.

Em1979, David Miranda adquiriu o terreno que hoje abriga a Sede Mundial da IPDA. Em janeiro de 2004 foi inaugurada a nova Sede Mundial, chamado O Templo da Glória de Deus, em uma área de 70 mil metros quadrados, com capacidade total para 140.000 mil pessoas, reconhecido como um dos maiores Templos Evangélicos do Mundo.

EM MURIAÉ: MAIS UM ASSASSINATO EM 2015, NO SANTA TEREZINHA.

NENE-PRETINHO-CopyNENE-PRETINHO2O Corpo de Bombeiros de Muriaé foi acionado com urgência na manhã deste sábado para comparecer no bairro Santa Terezinha, onde um homem havia levado vários tiros próximo ao Campo do Operário, na Rua Carangola. No local os socorristas depararam com o homem caído em uma calçada próximo a sua moto e apresentava estado grave, pois havia sido atingido por vários tiros, inclusive na cabeça. O socorro foi rápido, sendo a vítima encaminhada para o Hospital São Paulo, mas devido a gravidade, José Cândido Ambrósio, conhecido como Nenê Pretinho, morreu logo em seguida. A Polícia Militar também foi de imediato para o local onde foi informada que o autor passou a pé e atirou na vítima, fugindo em seguida. A identificação do autor está sendo feita. Os motivos deste 5º assassinato do ano em Muriaé, ainda não foram esclarecidos. No local muito sangue e cápsulas de arma de fogo espalhadas no chão. A Perícia Técnica, através do perito criminal, Antônio Carlos Monteiro realizou os trabalhos de praxe liberando o local. Mais fotos: silvanalves.com.brNENE-PRETINHO3

NA BR 116: MORRE JOVEM MOTOCICLISTA.

priscila catUma jovem de 23 anos morreu em um trágico acidente no meio da manhã deste domingo, na BR-116. Segundo informações passadas às autoridades, um grupo de motociclistas do Moto Clube Templários de Cataguases, viajava de Itaperuna para Cataguases-MG, e na altura da comunidade do Barreiro, região da Serra de Belvedere, a 11 Km de Muriaé, duas motos ultrapassavam uma carreta, mas uma delas tocou na outra, provocando a queda de um casal (o condutor, Gustavo Ferraz e a carona, Priscila Rodrigues) sendo que o condutor teria caído pelo acostamento, e a carona, na pista, momento em que foi violentamente atropelada por uma carreta. O Corpo de Bombeiros de Muriaé foi acionado e fez o socorro do condutor da moto, o qual foi encaminhado para o Hospital São Paulo, em Muriaé. Colaboração: silvanalves.com.brpriscila cat2 priscila cat3 priscila cat4