EDITORIAL: LEI FICHA LIMPA, ANALISANDO POSIÇÃO DE 4 VEREADORES QUE REPROVARAM A MEDIDA.

Tive o prazer de conversar com uma pessoa, que me fez analisar a questão e entender que, se eu fosse vereador diante desta análise a mim apresentada, eu Paulo Roberto da rádio,  teria votado da mesma forma que os 4 vereadores votaram.

Realmente, se uma pessoa cometeu infrações e foi penalizada pela lei, ela já pagou diante da lei pelo seu erro.
Ela não pode ser penalizada a vida inteira, do contrário, se fosse para um pecador ser castigado a vida toda por um ou maus erros seus, seria a mesma coisa que dizer pra Jesus: ” Seu sacrifício na cruz não valeu de nada, o Senhor não pagou nada e ninguém merece uma segunda ou terceira chance”.
Se a gente fechar as portas pra quem já falhou, começando por uma prefeitura, com certeza, empresas poderiam seguir o mesmo exemplo e seria a mesma coisa que dizer: ” O bandido, continue roubando, pois mesmo não roubando, você será sempre visto pela sociedade como um ladrão, ninguém vai te dar emprego.”

“O estelionatário, continue sendo estelionato, pois você falhou e sempre sera visto como o aproveitador.”

“Você que matou, nós vamos ver você somente como assassino e nem queremos saber os motivos de seu pecado.”

Entendi que houve uma falha grave da minha parte em não ter perguntado a cada um dos vereadores citados, antes de ter publicado ou falado tal matéria o “porque” do votar contra o projeto de autoria do vereador Vinícius.

Gostaria de pedir aos nobres vereadores, pessoas de boa reputação, honradas, como citamos na publicação anterior, que estivessem com a gente na rádio ou no site apresentado os seus trabalhos, suas posições, para que todo o povo de Miradouro tivesse assim como eu tive, a oportunidade de ver e ouvir a outra face da moeda.

No mais, assim como as pessoas que já foram condenadas por crimes e que hoje estão trabalhando na gestão pública do município de Miradouro, com total eficiência, eu Paulo Roberto da Rádio, peço aos nobres vereadores a oportunidade de continuar divulgando os trabalhos dos miradourenses, mas com a colaboração e a participação de cada vereador e claro de cada cidadão!

No mais, creio que se o excelentíssimo senhor prefeito ainda não tiver sancionado tal lei, desejo que ele reflita melhor sobre o caso, que poderia exterminar com a oportunidade que muitas pessoas, que seriam impedidas de adotar um padrão digno de vida, que caso não tivessem oportunidade, poderiam ter que ceder em continuar praticando o erro.

Deixo bem claro, que não recebi nenhuma promessa de represália ou perseguição. Apenas estou mudando de opinião diante das informações recebidas, diante do análise do projeto.

O projeto do vereador é bom, mas precisa ser melhor analisado para evitar exageros.

Termino nosso editorial afirmando, que com certeza, os vereadores que votaram contra o projeto não votaram a favor da impunidade, mas sim contra a punição ilegal  e injusta.

Os vereadores Belego, Davi Meireles, Daniel Camacho e Homero do Táxi, ao votar contra, também não votaram a favor de seus interesses pessoais, afinal, nenhum deles, pelo menos até onde vai  meu conhecimento, não possuem problemas com a justiça, não tem protestos em cartório por se negarem a não cumprir com seus compromissos e nunca praticaram nenhuma fraude ou atitude ilegal.

Caso eu tenha ofendido os vereadores e suas respectivas família,  não foi do meu interesse, apenas tenho provocado a participação de você em nosso jornalismo. Peço perdão publicamente.

EDITORIAL: PAULO ROBERTO DA RÁDIO.  LEI FICHA LIMPA LEI FICHA LIMPA2 LEI FICHA LIMPA3 LEI FICHA LIMPA4

 

5 comentários sobre “EDITORIAL: LEI FICHA LIMPA, ANALISANDO POSIÇÃO DE 4 VEREADORES QUE REPROVARAM A MEDIDA.

  1. Continuo sendo a favor do projeto pois com isso a pessoa pensará duas vezes antes de cometer delito contra a máquina pública. Isso já funciona com funcionários da rede privada onde, caso cometa um delito, será demitido por justa causa e terá prescrevido em sua carteira de trabalho profissional o motivo de ter sido demitido. Esse projeto será bom para o município que terá pessoas honestas trabalhando a seu favor. Se o criminoso se arrepender e mudar seus hábitos ruins ele será perdoado mas não terá outra oportunidade. A pessoa pensará duas vezes. Vejo com bons olhos o projeto.

  2. Quando se refere ao ser humano é complicado,somos estranhos,tem pessoas que erram entendem que errou e fazem o possível pra mudarem,outras sabem que errou mas preferem sempre agir da mesma forma,infelizmente temos de correr o risco dando uma segunda oportunidade…..Quando a pessoa é pública fica tudo mais difícil mas é bom poder acreditar na mudança do próximo.

  3. Concordo Paulo Roberto no Brasil não existe pena perpetuá, esse projeto não resolve nada e nem traz beneficio para a população. Queria ver um projeto para cortar os salários dos vereadores, para mim recebem bem para não fazer nada e ainda tem umas diárias boas nas idas para Belo Horizonte, diga de passagem são rotineiras. Acho que o Ministério Público tá precisando investigar a situação.

  4. Não devemos misturar as palavras de Deus com política, pois quem mudar o sentimento do homem é o Jesus através do Espírito Santo, quando ele si arrepende e aceita o Senhor Jesus como único Salvador da sua vida confessando a Jesus todos os seus pecados , depois disso ele não precisa de se eleger politicamente para sua satisfação , sou a favor da ficha limpa sim , dinheiro puplico tem dono e deve ser administrado para povo sem preconceitos de partidos políticos .

  5. Eu sou favor do projeto,,,,,acho que os vereadores deveriam trabalhar mais , fiscalizar melhor o dinheiro puplico, dar mais exemplos de cidadania, pois são muitos bem pagos , enguantos muitos fazem destes cargas cabines de empregos , somente para dizer que tem uma carteirinha de vereador,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *