Ouvir no iPhone
/ Ouvir no Android

EM MIRADOURO: ARMA DA MALANDRAGEM RENDE PROPRIETÁRIO E LEVA MOTO.

honda_bros

Foto ilustrativa

O Ronaldo procura por sua moto, Honda Bros Vermelha, placa OXK 7603 de Miradouro.
Segundo ele afirmou ao Paulo Roberto da radio, ontem segunda (25), por volta das 10:00 da manhã, um indivíduo claro, mais ou menos 19 anos de idade teria ido em sua residência na rua Guedes Moraes, e sabendo que o veículo estava a venda, pediu pra dar uma voltinha, pra fazer um teste com a mesma.

O indivíduo ainda alegou que morava em Juiz de Fora, mas que estaria se mudando pra Miradouro. O Ronaldo registrou boletim de ocorrência. Qualquer informação pode se passada pelo 190, ou 9938-3755 , também pelo 9104-6051- Gratifica-se quem encontrar.

EM MURIAÉ: ACIDENTE COM VÍTIMA NA MANHÃ DESTA TERÇA.

ACIDENTE CIVILUm acidente entre um veículo de uma construtora e uma viatura da Polícia Civil de Muriaé acabou deixando um ferido na área urbana da BR-116. O acidente aconteceu no meio da manhã desta terça-feira e as primeiras informações davam conta que o caminhão iria entrar à esquerda na rodovia, para o lado do bairro Gaspar e a viatura policial em que viajava um investigador, trafegava pela rodovia no sentido a Miradouro. A Polícia Rodoviária Federal compareceu ao local através dos policiais Fernandes e Villas, bem como a Perícia Técnica da 4ª DRPC, através do perito, Cristiano Madureira, os quais irão apurar as causas do acidente. O investigador, que aparentemente não sofreu ferimentos graves, teria sido levado a um hospital para exames complementares.ACIDENTE CIVIL2

Com informações do silvanalves.com.br

EM MIRADOURO: OCORRÊNCIAS POLICIAS

FAROLMOCHILA COM FERRAMENTAS FOI FURTADA NO CRUZEIRO.

Na Sexta feira uma mochila foi furtada no Cruzeiro, na rua vereador Porfiro de Matos. A vítima com as iniciais M.A.S de 34 anos relatou que por volta das 08:30 da manhã, subiu no terraço de sua residência e deu falta de sua mochila, dentro dela tinha ferramentas de trabalho, tinha uma Makita, alicate, jogo de chaves ALI, estilete, chave de fendas, e outros equipamentos. Nenhum suspeito foi apontado.

ACIDENTE DE TRÂNSITO COM VÍTIMAS NESTE DOMINGO.

A PM de Miradouro foi acionada neste domingo por enfermeiros do Hospital de Miradouro, por volta das 17:15, já que um cidadão estava sendo atendido no pronto socorro. A vítima A.M.S.N de 51 anos disse que estava conduzindo por volta das 16:20 sua moto Honda CG na fazenda barro branco, quando numa curva colidiu com um fiat strada – vermelho.

O motociclista foi atendido aqui no hospital de Miradouro, mas como fraturou uma de suas pernas foi conduzido ao Hospital São Paulo em Muriaé, para um atendimento mas preciso.

TENTATIVA ESTELIONATO NESTA SEGUNDA EM MIRADOURO

Um funcionário de um comércio, relatou a PM que um individuo se identificou como Igor Braz, teria efetuado uma compra no valor de 897,25 por volta das 16:00 horas, e que essa compra era pra ser entregue próximo ao água de minas, e que ele não estava com o dinheiro no momento, mas pagaria na hora da entrega.
O estabelecimento enviou um de seus funcionários, e na hora da entrega o senhor Igor disse que iria pagar com um cheque, então o funcionário do comercio disse que iria levar o cheque primeiro para consulta, depois entregaria as mercadorias . No escritório ao consultar o cheque, o mesmo tinha restrições.

Ao tentar localizar o possível dono pra devolvê-lo, o mesmo tinha desaparecido, aí que a PM foi acionada e registrou a ocorrência como tentativa de estelionato.

EM ,MURIAÉ: POLÍCIA CIVIL PRENDE ACUSADO DE ASSASSINATO NO CERÂMICA.

ACUSADOA operação da Polícia Civil aconteceu no início da manhã desta segunda-feira e o acusado foi encontrado em casa e preso por três investigadores do Serviço de Inteligência da PC. “Avistamos o acusado na janela de casa e de imediato, de posse de um Mandado de Prisão, efetuamos a prisão quando o mesmo tentava fugir” relata um dos policiais. Nossa reportagem conversou com o advogado, Dr. Lucas Napier Porcaro, o qual relatou que o cliente não vai prestar depoimento na Delegacia de Homicídios, somente em juízo e que vai se inteirar melhor do inquérito do assassinato ocorrido no dia 17 de maio. O crime está sendo apurado pelo delegado de Homicídios, Dr. Rangel Martino. O preso será encaminhado para o Presídio.

Assassinato no Cerâmica em que foi vítima, Paulo de Tarso Costa, 53 anos, ocorreu no dia 17 de maio- Com informações do silvanalves.com.br

EM MURIAÉ: IRMÃO ATIROU CONTRA O PRÓPRIO IRMÃO.

IRMAO01A Polícia Militar de Muriaé prendeu em flagrante após tentativa de homicídio, um homem morador do bairro Gaspar. O Aspirante Reinaldo deu mais detalhes para nossa reportagem: “Fomos acionados via 190 e as informações davam conta que havia um indivíduo baleado na Rua 1º de Maio, no bairro Gaspar e que o autor seria o próprio irmão, e ainda que o mesmo estaria com a arma na mão em um bar daquele bairro. Com a chegada das viaturas, o suspeito entrou em sua casa e em seguida pulou dentro de um poço de peixe juntamente com a arma de fogo. Diante da situação efetuamos a prisão em flagrante pela posse da arma e homicídio tentado e acionamos o Corpo de Bombeiros, que através da equipe do Sargento Milane, localizou a arma no poço de peixes, se tratando de um revólver, marca Rossi, calibre 32, a princípio com a numeração raspada com dois cartuchos deflagrados e um intacto. A vítima foi socorrida por populares e as primeiras informações dão conta que os tiros atingiram o abdômen e a perna” disse o militar Reinaldo. Esta ocorrência contou com a participação dos militares do Tático Móvel, CPU e a viatura comandada pelo Cabo Kaiser. Outras informações dão conta que os disparos não seriam para o irmão.IRMAO02 IRMAO03

Com informações do silvanalves.com.br

EM SÃO FRANCISCO DO GLÓRIA: PREFEITURA PUBLICA EDITAL DE CONCURSO.

Salários de até R$ 6.145,17
concurso-publico-municipalA Prefeitura de São Francisco do Glória (MG) publicou edital de concurso público para 65 vagas com oportunidades para todos os níveis de escolaridade. Os salários são de até R$ 6.145,17. Para os seguintes cargos: Nível fundamental incompleto (alfabetizado), há vagas para Auxiliar Auxiliar de Limpeza (2), Auxiliar de Serviços Gerais (4), Gari (4), Operário (2) e Pedreiro (1). Para nível fundamental completo os cargos disponíveis são de Bombeiro (1), Motorista (3), Operador de Máquinas (2). Para nível médio há vagas para Auxiliar Administrativo (2), Agente Comunitário de Saúde (11), Agente de Combate a Endemias (1), Auxiliar de Laboratório (1), Auxiliar de Odontologia – ESF (2), Auxiliar de Vigilância Sanitária (1), Auxiliar de Saúde (1) e formação de Cadastro Reserva para Fiscal de Obras e Posturas. Para médio técnico as oportunidades são para Técnico em Enfermagem (1) e Técnico de Enfermagem – ESF (2). Para médio com magistério são 9 vagas para Professor I. Para nível superior, as oportunidades são para diversas áreas. Na área da saúde há vagas para Enfermeiro (1), Enfermeiro – ESF (2), Farmacêutico – Bioquímico (CR), Fonoaudiólogo (1), Médico – ESF (2), Nutricionista (1), Odontólogo – ESF (2) e Psicólogo (1).

Inscrições: 

As inscrições poderão ser feitas através do site do organizador do certame, www.idecan.org.br, a partir das 14h do dia 3 de junho até o dia 2 de julho. As taxas de inscrição variam de R$ 30 a R$ 85, de acordo com o cargo pretendido. Será permitido se inscrever para mais de um cargo, desde que as provas ocorram em turnos distintos. Provas. As provas objetivas de múltipla escolha estão previstas para o dia 16 de agosto, em dois turnos de aplicação. Pela manhã, das 9h às 12h, realizam as provas os candidatos aos cargos de Agente Comunitário de Saúde, Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Serviços Gerais, Auxiliar de Laboratório, Auxiliar de Saúde, Auxiliar de Vigilância Sanitária, Enfermeiro, Farmacêutico – Bioquímico, Fiscal de Obras e Posturas, Fonoaudiólogo, Médico – ESF, Motorista, Nutricionista, Odontólogo – ESF, Operário, Psicólogo, Professor, Técnico em Enfermagem e Auxiliar de Serviços Escolares. No período da tarde, das 14h às 17h, fazem as provas os concorrentes aos cargos de Agente de Combate a Endemias, Auxiliar de Odontologia – ESF, Auxiliar de Limpeza, Bombeiro, Enfermeiro – ESF, Gari, Técnico em Enfermagem – ESF, Operador de Máquinas e Pedreiro. Informações: 0800-283-4628 atendimento@idecan.org.br .

NO BRASIL: RESULTADO DA MEGA

MEGA SENANinguém acertou as seis dezenas do concurso 1.707 da Mega-Sena realizado neste sábado (23), na cidade de Iporá (GO). O próximo sorteio da loteria, que será realizado na quarta-feira (27), tem estimativa de prêmio de R$ 6,5 milhões.
Veja as dezenas sorteadas: 07 – 16 – 20 – 27 – 36 – 52.
A quina teve 65 apostas ganhadoras, que levaram prêmio de R$ 26.797,28 cada uma. Outros 4.048 bilhetes acertam a quarta e levaram R$ 614,70 cada.

EM MIRADOURO: PERIGO NA ESTRADA PRA MONTE ALVERNI

boi06

Dois bois de carro pastavam tranquilamente as margens da estrada que liga Miradouro a Monte Alverni. Fato registrado nesta sexta feira de feriado Municipal em Miradouro. Um grande perigo para motoristas e motociclistas e passageiros.boi01

boi05

boi04boi02Viu algo que merece destaque , envie pelo paulorobertoradio98@hotmail.com, ou ligue 9915-9898

EM PIRAPETINGA: NOIVA LEVA BANHO DE TINTA NA PORTA DA IGREJA.

noiva-cor-de-rosaHá uma semana, no sábado (16), a fúria de uma ex-namorada quase estragou o casamento de Adiliane Faria de Mattos, de 27 anos, em Pirapetinga (MG). A jovem escolheu o mês das noivas para se casar e ao chegar na porta da Igreja de Santana foi atacada e teve o vestido manchado com tinta rosa pela rival. Quando os convidados pensavam que ela poderia desistir, surpreendeu a todos e subiu ao altar. Depois, o problema da recém-casada foi outro, pagar o vestido que era alugado.

Já a ex, que tem 29 anos e não quis se identificar, disse que a culpa é do noivo, André Inocêncio, de 35 anos. “Ele quer dar uma de bonzinho, mas a gente tem um filho e nos abandonou para ficar com ela. Ela que se casou sem saber quem ele é”, justificou. Após o fato, a ex chegou a registrar um Boletim de Ocorrência (BO) na Polícia Militar de Leopoldina alegando que durante o ataque à noiva ela sofreu uma agressão. O caso foi encaminhado para a Polícia Civil da cidade.
O casamento
“Eu estava na porta da igreja quando o rapaz que me ajudou a arrumar estava ajeitando os últimos detalhes. De repente surgiu uma mulher do nada com um balde de tinta e jogou em mim. Não me machuquei, apenas sujou o vestido”, contou Adiliane Faria, que só entrou na igreja sob o incentivo dos convidados, conduzida pelo pai. “Pensei comigo: Vou casar assim mesmo. Estava tremendo, fiquei com medo de passar mal, mas meu pai e todos me deram força”, acrescentou.
Quem testemunhou a agressão foi o maquiador e cabeleireiro Rodrigo Magalhães Pereira. Ele foi o responsável por preparar a noiva e estava ao lado dela. “Foi muito rápido. Eu levo todas as minhas noivas até a igreja. Já tinha a ajudado a sair do carro e a Adiliane estava em pé ao lado do pai. A agressora me empurrou e lançou a tinta. Acho que ela queria acertar no cabelo, mas pegou no vestido”.
Em seguida Rodrigo contou que correu atrás da agressora para impedi-la de fugir. “A minha reação foi ir atrás dela e pegá-la pelo cabelo, até que aparecesse alguém para segurá-la. Quando chegaram outras pessoas, eu fui socorrer a noiva. Voltei ao salão e peguei materiais para retocar a noiva. Na igreja mesmo tem um escritório e refiz meu trabalho”, lembrou.
Depois que ela subiu ao altar, segundo ele, foi um momento de emoção para todos os presentes. “Ela estava bonita, como sempre quis para o casamento. Fiquei abalado e na hora da confusão todos saíram para ver o que estava acontecendo, mas quando Adiliane entrou todo mundo ficou emocionado”, disse.

Depois da cerimônia, Adiliane ainda foi para a festa com o vestido sujo e posou para fotos. A roupa foi alugada em uma loja na cidade de Santo Antônio de Pádua (RJ). “Começamos a planejar o casamento em setembro, familiares nos ajudaram especialmente com a festa. Mas quando vi o vestido, bati o olho e amei. Agora que tive de pagá-lo, ele de fato é meu”, comentou. A jovem comprou o vestido da loja por R$ 1.600. Já o valor do aluguel não foi informado pela noiva.

A versão da agressora
Sobre o ataque à noiva, a ex-namorada de André relatou que o alvo foi o tempo inteiro colocar o comportamento do noivo na berlinda. “Não foi vingança contra ela, não tenho nada contra ela. Foi uma retaliação contra ele. Ele é culpado por eu ter chegado a este extremo”, justificou.

Segundo a jovem, ela e o noivo têm um filho e ela foi abandonada. Desempregada, disse que cuida da criança de um ano e seis meses, fruto do relacionamento de três anos. “Quando o filho nasceu, ele nem foi ver. Durante este tempo, cheguei a conversar com ele para não entrar neste extremo. Ele sabe por que eu fiz isso”, reforçou a ex.

Ela também disse que vai acionar a Justiça contra o ex. “Estou tomando providências para garantir a pensão do meu filho. Eu sei que ele tem condições de pagar uma pensão digna, mas diz que não, que não ajuda porque não pode”, concluiu.

Caso de polícia
O casamento mais falado da história de Pirapentinga, cidade de 10.787 habitantes, segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), virou caso de polícia. O Boletim Ocorrência sobre o caso foi registrado pela agressora.

De acordo com a assessoria da 6ª Companhia da Polícia Militar em Leopoldina, responsável pela região onde está Pirapetinga, a ex-namorada procurou a PM e confessou que jogou tinta de cor rosa na noiva quando ela se preparava para entrar na igreja. Segundo a agressora, quando estava sendo contida pelos convidados após o fato, um homem puxou os cabelos dela e, por isso, quis registrar a ocorrência. “Eu vou até o fim. O cabeleireiro não tem o direito de colocar a mão em mim”, afirmou.

O maquiador e cabeleireiro Rodrigo Magalhães Pereira, suspeito da agressão, compareceu à delegacia. “Ela me acusou de agressão e eu também fiz uma ocorrência contra ela. Afinal, ela também me sujou de tinta e eu ainda tinha mais três noivas para cuidar no sábado. Nem deu tempo de almoçar. Trabalhei o dia inteiro com as roupas sujas de rosa”.

O resumo do BO informa que os noivos não quiseram registrar ocorrência contra a agressora. De acordo com a assessoria da PM, caso eles mudem de ideia, podem fazer até seis meses após o fato para que as providências sejam tomadas. A ocorrência foi encaminhada para apuração na Polícia Civil da cidade.

A assessoria do 4º Departamento de Polícia Civil informou que a jovem (ex-namorada) procurou a delegacia para registrar a ocorrência da agressão do cabeleireiro e que, em depoimento, disse que estava chateada porque o ex não estava dando atenção ao filho.

O caso será investigado. Com informações do interligadoonline.com